O que muda com o SEI

A Enap está se preparando para uma modernização administrativa e tecnológica, já que trabalhará com o Sistema Eletrônico de Informações (SEI) como o sistema oficial de gestão de documentos e processos eletrônicos.

Quais são os benefícios do SEI?

•    Os usuários internos e externos podem receber e acompanhar processos online, assinar contratos e outros documentos eletronicamente;
•    Práticas inovadoras de trabalho serão desenvolvidas, voltadas ao aumento da produtividade e à diminuição do uso do papel;
•    O SEI é um sistema intuitivo, estruturado e com boa navegabilidade e usabilidade;
•    O SEI permite total portabilidade, sendo 100% na Internet, com acesso remoto por meio de notebooks, tablets e smartphones;
•    Os fluxos de processos poderão ser melhorados, tramitando, ao mesmo tempo, em várias áreas da Enap, ou eliminando trâmites em níveis hierárquicos desnecessários;
•    O SEI não tem ônus para a Enap, é a base do Processo Eletrônico Nacional (PEN), coordenado pelo Ministério do Planejamento e Gestão e estará, em breve, implantado em toda a Administração Pública Federal.

E o que vai mudar na Enap?

•    Todos os processos criados, tanto na área-meio como na área-fim, serão exclusivamente eletrônicos e o uso do papel será reduzido drasticamente;
•    Todos os processos que após a implementação do SEI estiverem pendentes de decisão e/ou ação na Enap, serão digitalizados e disponibilizados no sistema;
•    Expedientes externos recebidos em papel serão digitalizados e tramitados virtualmente;
•    A tramitação de processos será feita exclusivamente pelo SEI. O CPROD será desabilitado para inclusão de novos processos ou tramitações, ficando disponível apenas para consulta.

Com a implantação do SEI, a Enap eliminará ou reduzirá o uso do papel. Essa iniciativa otimizará as rotinas de trabalho, favorecerá o trabalho colaborativo e reduzirá gastos, contribuindo para a construção de um ambiente mais sustentável.